Em Caraguatatuba, a 11ª edição da Feira Literária (FLIC), que foi realizada em toda a rede municipal de ensino, rendeu produções espetaculares, lindas exposições, apresentações, emoções e muitos aprendizados. A cada ano, alunos, professores e toda a comunidade escolar vem se reinventando e produzindo conteúdos cada vez mais elaborados.

#PraCegoVer: A professora Soraia, acompanhada por uma aluna e um professor, durante a gravação do vídeo sobre o projeto do livro ‘Eu sobrevivi a uma pandemia’. Ao fundo, o desenho criado pela aluna Adrilaine da Silva Ferreira, que ilustra a capa do livro (Foto: Reprodução/PMC)

Um dos trabalhos de destaque desta edição da FLIC surgiu com a elaboração de um livro com relatos de alunos sobre o impacto da pandemia em suas vidas. Através da iniciativa da professora Soraia Salim da Silva, alunos dos 9ºs anos da EMEF Euclydes Ferreira, no bairro Perequê Mirim, escreveram histórias sobre como a pandemia do novo coronavírus interferiu direta e indiretamente em suas vidas.

A coletânea dessas histórias resultou no livro ‘Eu sobrevivi a uma pandemia’ que foi lançado na FLIC e rendeu à professora a oportunidade de concorrer ao ‘Prêmio Destaque Educação 2021’, promovido pela Educa Week, maior evento de educação básica do Brasil.

Em sua terceira edição, o prêmio foi idealizado para identificar e reconhecer experiências de sucesso na educação. A premiação dá visibilidade a iniciativas de professores, coordenadores e diretores que promovem melhoria no aprendizado e na vida de alunos, pais e funcionários de escolas públicas e privadas.

Concorrendo na categoria Ensino Fundamental II, a unidade escolar produziu um breve vídeo com informações sobre o projeto do livro, que está disponível no canal do YouTube da Educa Week (https://www.youtube.com/watch?v=Bm_HnojilNc). Para estar entre os finalistas, o vídeo precisa ser um dos 10 com o maior número de curtidas. Serão válidas somente as curtidas no canal oficial da Educa Week.

A professora Soraia explicou que a ideia surgiu como solução ao desafio de incentivar a produção textual durante o período de atividades remotas. “Durante a pandemia, muitos dos nossos alunos enfrentam diversos desafios emocionais e familiares. Ao retornarem à escola, essas histórias começaram a se tornar parte do cotidiano. Sendo assim, vi a oportunidade desses alunos colocarem para fora as suas angústias nas aulas de produção textual que resultaram no livro para ser exposto na FLIC, que é realizada todos os anos”, disse.

A secretária de educação, Márcia Paiva, comentou que para valorizar ainda mais e dar visibilidade do trabalho ao público externo, o livro ‘Eu sobrevivi a uma pandemia’ está em processo de edição profissional, realizado pela equipe da Secretaria de Comunicação e será relançado, em breve, pela Prefeitura Municipal de Caraguatatuba.

Além dos textos produzidos pelos alunos, a ilustração da capa também foi criada por uma aluna da unidade escolar.

A divulgação do resultado do Prêmio Destaque Educação 2021 será no sábado, dia 23 de outubro, às 18h30, durante o maior evento sobre educação básica do Brasil, com transmissão ao vivo pelo Youtube.