Vacinação contra covid continua para pessoas com mais de 40 anos em Caraguatatuba

1
223

A vacinação contra a covid-19 segue nesta segunda-feira (28) em Caraguatatuba para as pessoas com mais de 40 anos. Para receber o imunizante é necessário o agendamento pelo ‘Vacina Caraguá’, do aplicativo ‘Caraguatatuba 156’.

#PraCegoVer: Dentro de uma sala de vacinação, enfermeira aplica dose da vacina contra a covid-19 em uma mulher. Ambas usam máscaras de proteção (Foto: Cláudio Gomes/PMC)

As pessoas com mais de 40 anos serão vacinadas em uma das 11 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do município, das 8h às 17h. Eles deverão comparecer ao local no horário informado pelo próprio aplicativo ‘156’.

É fundamental ter em mãos um documento com foto e o CPF. Dessa maneira, as unidades poderão confirmar o agendamento da vacinação.

Profissionais da Educação

Também nesta segunda (28), Caraguatatuba vacina os profissionais da Educação. O Centro Esportivo Municipal Ubaldo Gonçalves (Cemug) será o local de vacinação para os profissionais da Educação. É importante ressaltar que esses foram também foram agendados pelo ‘Vacina Caraguá’.

Vacinação para gestantes e puérperas

Mulheres em qualquer período gestacional e púerperas com até 45 dias pós-parto, acima de 18 anos, podem procurar as unidades de saúde, das 8h às 17h, para agendarem a vacinação contra a covid-19.

É importante comprovar o período gestacional com a apresentação de algum documento, como a carteira de acompanhamento/pré-natal ou laudo médico. No caso da puérpera, ela precisa apresentar a certidão de nascimento da criança.

Outros grupos

A Prefeitura de Caraguatatuba reforça que as pessoas de grupos anteriores devem realizar o cadastro no ‘Vacina Caraguá’ para que sejam vacinadas contra a covid-19.

Fazem parte desses grupos os idosos acima de 60 anos, profissionais da Saúde, pessoas com deficiência permanente com ou sem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), pessoas com comorbidades e síndrome de Down de 18 a 59 anos, transplantados, pacientes que fazem terapia renal substitutiva (hemodiálise) e, também, os motoristas do transporte coletivo.

1 COMENTÁRIO