A vereadora de Itaquaquecetuba, Adriana Aparecida Felix (PSDB), a Adriana do Hospital, utilizou a tribuna ontem (21/05) durante a 16ª sessão do ano para contar sobre o furto de seu carro no início do mês. Ela fez questão de mostrar um vídeo feito por câmeras de monitoramento que flagraram a ação criminosa dos bandidos e relatou que tem recebido ameaças e trotes por telefone. Um boletim de ocorrência já foi registrado e a polícia investiga o furto, ocorrido no dia 8 de maio na rua Caxambú, na Vila Zeferina, em Itaquaquecetuba.
No primeiro vídeo, com a data de 22 de dezembro de 2018, as imagens mostram um homem que parou o carro em frente da casa da vereadora e começou a tirar fotos. No mesmo dia, quatro rapazes deixam outro veículo estacionado a madrugada inteira em frente à residência. Os dois fatos levantaram suspeitas, uma vez que vizinhos também teriam dito que viram pessoas passando e tirando fotos do imóvel em outras dias. “Minha casa não está a venda, não tem placas de ‘vende-se’, não tem motivo tirar as fotos”, explicou Adriana.
No segundo vídeo, a vereadora para o seu carro (Ford Ecosport, cor prata e placa EUX 0442) numa esquina com a rua Caxambú e vai a pé até uma corretora. Um carro passa em alta velocidade, depois para e um homem fica olhando para ela. Em seguida, um veículo de cor escura também surge na via. Minutos depois, quando Adriana entra na corretora, um homem sobe a rua e furta o automóvel. Um terceiro carro aparece e dá cobertura ao criminoso.
“Agradeço a Deus por ter me protegido. Mas dentro do carro tinha uma pasta com documentos do meu trabalho feito com alguns vereadores e documentos pessoais. Quero deixar claro que (se o crime tiver relação com o meu trabalho) não vou parar. Só vou parar se Deus me recolher, ou se fizerem comigo o que fizeram com a vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco. Isso só me dá mais coragem e vontade de continuar trabalhando”, desabafou.